As paradas programadas para manutenção dos equipamentos são ações fundamentais para que a empresa consiga se manter competitiva, em termos de volume de produção, performance, custos operacionais e produtividade.

Aproveitar este período de final de ano, quando muitas empresas desacelera ou até mesmo optam por férias coletivas, pode ser uma grande oportunidade para planejar uma parada programada para manutenção.

A base das atividades realizadas nestas paradas são manutenções preventivas, porém aproveita-se este momento para também realizar manutenções corretivas planejadas, preventivas, detectivas e outros projetos para incrementar o processo produtivo.

Para executar uma manutenção adequada durante as paradas de final de ano, o planejamento detalhado é o maior aliado para o sucesso da ação. Os principais objetivos do planejamento de uma parada de manutenção são identificar as necessidades, coordenar as atividades e planejar recursos financeiros, de pessoal e equipamentos. Com isso, a primeira etapa a ser executada é o cronograma geral da parada de manutenção.

O planejamento vai identificar a dimensão da parada, visto que considerará dados e informações operacionais para reconhecer riscos, custos e estabelecer um ponto de início. A partir disto é possível confirmar prazos e iniciar a execução das tarefas.

Para definição do tempo de parada, deve-se levar em conta três principais fatores: as necessidades de produção, o histórico de paradas anteriores e a quantidade de tarefas e serviços.

Nós da Alvorada somos especializados em manutenção de maquinários e equipamentos do setor industrial abrangendo subsetores alimentício, ferramentaria. Entre em contato conosco para saber mais sobre como nossas soluções podem te ajudar.